Número total de visualizações de página

terça-feira, 30 de setembro de 2008

O "Rapto das Sabinas" - Praça de Florença


Os "Veteranos de guerra" (cont.)

Cena 2 - take 1

Então, após acordarem da dura realidade daquilo que os esperaria, os nossos actores desceriam o escadório do "Altar della Patria" e após entoarem a ária do "Angola é nossa...", preparar-se-iam para a cena seguinte.

Viajando mais para Norte, iriam imitar, em Florença, o "estilo guerreiro" de alguns exemplos vivos de estátuas renascentistas. Aliás, tinham-lhes prometido que aquilo era "canja"e a guerra até era outra pois o verdadeiro inimigo vinha camuflado de "resmas de gajas" que, no fundo, não passavam de espiãs a soldo do IN e que nos seus leitos lupanáricos extorquiam informações preciosas às NT!

Mas, ao bom estilo da ASAE, as NT também tinham a sua própria "contra informação" e sabiam "separar o trigo do joio", que é como quem diz, se até pareceriam apaixonados com tanta beleza feminina, acabavam por "aprisionar" as ditas cujas... (vá-se lá saber para que fins!)

No take, os nossos "guerreiros" observam a estratégia ... e se não resultasse, imitavam o modelo mais atrás, ao bom género da "justiça de Fafe"!

domingo, 28 de setembro de 2008

L'altare della Patria - ROMA


Olá cambada de "cinéfilos" à força...

Após uma arreliadora interrupção por motivos de logística, volto com as últimas "quentes e boas".

Do anterior, os nossos "actores" que iriam rodar no cinecitá romano sofreriam um atraso inusitado devido à greve da Alitalia e possível extinção da própria Companhia - só sendo possível a sua deslocação após o minimizar dos prejuizos pela compra desta rota aérea italiana por uns magnates lá do sítio, nos que se incluem o Berlusconi, o Mourinho e o Scolari (?)

Resolvido o diferendo, as nossas "estrelas cadentes" já tomaram o pulso a alguns locais onde "exibirão os seus dotes" de cantores/atiradores (aos pratos?).

Para abrir o apetite, eis a famosa "máquina de escrever", ou Praça Humberto I, monumento evocativo do nascimento da República italiana e cenário do início do filme.

A cena I do guião relata o sonho utópico dos atiradores da Ônzima mobilizados "voluntariamente" por Salazar para defenderem Angola como baluarte luso e então, oniricamente, desta magnífica Praça, todos os actores cantam a plenos pulmões: "Angola, é nossa..." X3, como que querendo "tapar o sol com uma peneira" .

Claro que a realidade foi outra, como o filme relatará.

domingo, 21 de setembro de 2008

Actores do filme "Veteranos da Ônzima"


Após um casting muito rigoroso a que se propuseram cerca de +/- 150 possíveis actores, a Administração da CinecitaSongo2008 acabou por delegar no realizador a difícil tarefa de seleccionar o elenco de actores para este filme.

Apoiado numa vasta equipa profissional, exigia-se que os proponentes auferissem de determinados requisitos. Estes incluíam:

1. Terem presença assídua nos vários Encontros Anuais promovidos pelo magnífica equipa sempre voluntariosa do Laranjeira e do Beja;

2. Terem ainda uma presença física jovial, mas natural (excluíam-se os de cabelo pintado, capachinho, barriga acentuada em demasia, fumadores crónicos, etc.);

3. Que ainda saibam manobrar a sua "espingarda" para a exigência de certas "manobras especiais";

4. Que possuam carta de condução e de preferência de "pesos pesados" - requisito essencial para os actores principais vs IN;

5. Dá-se preferência aos ainda solteiros ou já viúvos para não penalizar as consortes com "outras guerras".

6. Que tenham um mínimo (des)conhecimento de Inglês: saibam dizer: Yes ou no - o resto é tudo dobrado.

Após aquela selecção, eis os "felizes contemplados "que viajarão em "jacto privado" para o local das filmagens, logo que possível.

P.S. Apenas se aguarda autorização do Cinecitá italiano.

sábado, 20 de setembro de 2008

PARABÉNS: 100ª take do blog "onzima3411"!


Por cerca de um "milhão" de "oiros"( à boa moda dos feirantes ciganos) foi possível "contratar" uma Orquestra Veneziana e o solista ukraniano, Pobpluchenko que, assim, integrarão a banda sonora do já tão publicitado filme "Os Veteranos da Ônzima" - que Mamma mia, qual Mamma mia! Os Veteranos irão "rebentar" com os Óscares todos que alguma vez foram atribuídos!

O elenco de actores também foi rigorosamente "seleccionado" de entre os próprios intervenientes da 3411, e farão vivenciar as peripécias daquela C.C., 37 anos após.

Os agora actores-veteranos civis relatarão outras "guerras" das suas vidas actuais tendo como leitmotiv ( cenário/lembrança passada) peripécias da então vivenciada no Ultramar.

Mas para aguçar o apetite, ficámo-nos por aqui.

É tempo de apreciar a magnífica orquestra italiana e a voz do solista da banda sonora.

Vê, ao lado, no YouTube, em "Banda Musical Veneziana".

P.S. Também podes opinar se gostas ou não... se mudares de opinião, vais ser tu a pagar os "carcanhóis" ao "Zé Cabra"!

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

"Um das Caldas" nas Ruínas de Pompeia! (?)


Se pensavam que "estava a reinar" aí está a prova"!

Numa cidade tão evoluída para a época (78 d.C.), para além do Lupanarium, também havia veneração aos deuses da fecundidade.

Fora de qualquer conotação pornográfica, o símbolo fálico, como origem da vida, aparecia na própria calçada romana, sendo objecto de respeito. O mesmo se diga da deusa da Fecundidade a quem as mulheres recorriam para as livrarem do estigma da esterilidade, quando casadas. Esta aparecia aos olhos da sociedade de então como que um estigma e o marido podia até repudiá-la!

Mesmo fecunda, que o primeiro filho fosse varão, pois as "ninas"nascituras não prolongavam o apelido do marido e como tal: "insista...insista"!

Ainda hoje, os napolitanos saúdam-se com a mão esquerda "nos ditos cujos" - o que nos pode parecer um gesto indecoroso - mas não é mais que desejar boa sorte a quem saúdam!

Ninguém me desejou "bons augúrios" pelos meus cinquenta e dez anos, no pp 15 Setembro? "Olha que estou chateado"!!!

P.S. O próximo take merece comemoração pois é o 100º!

Uma "águia" na basílica de S.Pedro - Vaticano


Depois do "leão", do "dragão", finalmente... a "águia"! (Espírito Santo)

Custou, mas sabíamos que o Espírito (do Benfica) "andava no ar" e fomos encontrá-lO no local mais sagrado da terra, no baldaquino central da basílica de S. Pedro, rodeado de zimbórios deslumbrantes como só o divino deve merecer ( por isso fica bem e Benfica) !

Uma águia real como simbologia do Espírito de Deus, não é próprio de "dragões" nem "leões"... é a divindade em forma de humanidade para que o próprio Espírito Santo não a cegasse com a sua luz celestial (Teologia).

Como o assunto é por demasiado sério e dá que pensar, ficamo-nos por aqui.

Assim, que os homens "dragões", "leões" e "águias" prestem a sua adoração ao seu próprio Criador.

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Caricaturando épocas e estilos - S. Gimignano (Itália)


Pois que "nem só de futebol vive o homem", há coisas que devem ser levadas "numa boa". Rir-mo-nos um pouco faz desanuviar o lado menos positivo da vida. Doutra forma, ainda ficamos a ser "devedores" do Estado nos IRS e o IVA devidos, pois "deixamos de fumar" muito mais cedo, fazendo engrossar as páginas da Necrologia dos matutinos ... e o pior é que nem lá estamos para "gozar os 10 minutos de fama"!...

Vem a filosofia a propósito destas caricaturas expostas nesta cidade medieval e que caricaturam "por excesso de colesterol" a famosa Vénus de Milo, o busto de David, de Miguel Ângelo, e os estilos da música americana, do Blue ao Jazz, e outras "figuras menores". O "verdadeiro artista" por certo que seria um boémio inveterado que esculpiu as ditas réplicas em jeito de "dieta forçada", imitando os nossos "lautos manjares" empacotados nas rações de combate da altura.

Repare-se só naquelas "protuberâncias" femininas dignas de figurar no Guiness do Canal da Sic Radical da TV Cabo!

Depois não digam que não avisei!

Há muito "velhinho"da Ônzima que lhe vai imitando o "estilo" e já nem consegue sequer dobrar-se para apertar os sapatos; para além de outros "males menores": urticária, bicos de papagaio, celulite crónica, asmática progressiva, bronquite catarrónica pela fumaraça do cigarrito, mas sobretudo ... excesso de paludismo e com sintomas preocupantes de febres altíssimas, fazendo esquecer até de pagar as contas correntes da merecearia e as cotas do FCP! - o lumiar da extrema pobreza!!!

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Armas pontifícias com dragão dourado - Museu do Vaticano


Calma aí ... calma aí... afinal também encontrei o "outro lado da moeda" (?)

'Inda estava a minha realeza a historiar/relatar os magnos feitos do "jogo" F.C. Porto vs Veneza para a "Taça dos Campeões das Cidades de Prestígio" e logo "me caíram em cima" o Calisto, o Óscar e o Laranjeira ( só "ferrugem", para que conste!) que "me quiseram pôr a ferros" após tão sábia e premeditada erudição de anti-clubismo para com "os do Norte" ... carago!

R/ "Olha que não, olha que não", como dizia o Cunhal. Então eu explico.

A caminho da famosíssima Capela Sistina, de Miguel Ângelo, e num dos vários museus do Vaticano, deparamos com as armas papais de um pontífice de que lhe desconhecemos o nome. Então é assim: lá aparecem as chaves de S. Pedro ( as chaves do sucesso do FCP, claro); a teara papal (do Pinto de Sousa...desculpem, do outro Pinto que nunca vira as Costa(s), o "papa" do dragão); as figuras simbológicas da Ponderação ( do apito dourado, que nunca mais acaba...) e da Fertilidade ( dos muitos golos marcados pelo FCP, a começar por S. Jardel).

Ao meio: o Grande Dragão (Made in China?) do FCP mandado dourar pelo seu próprio "papa", com os 20.000Euros de indemenização que o Estado lhe vai pagar por "detenção ilegal" quando visitava as instalações das "águias" e "leões" e ser "arranhado" por aquelas garras tão afiadas!...

S. Miguel vencendo o "dragão" - Veneza


Ora para que os "tripeiros" da Ônzima do F.C. do Porto não fiquem tristes, lá está o famoso "dragão" sendo vencido por um "Miguelito" qualquer - que até pode ser o Leixões ou o Rio Ave que também são "santos-anjos-da-guarda" de ao pé da casa ...

Os condenados da altura, após serem julgados pelo dodge e tribunal correspondente, passavam por uma espécie de ponte em arco e que ligava o palácio-tribunal ao edifício da prisão - a tão famosa "Ponte dos suspiros" - e, no seu curto trajecto, olhavam a cidade-marítima e "suspiravam" por apreciá-la uma última vez antes que fossem decapitados ou enforcados, conforme a sentença. O último suspiro era obrigá-los a passar sob as duas monumentais colunas e que dão as boas vindas aos turistas, na tão famosa Praça de S. Marcos: o obelisco encimado pelas armas da cidade (um leão alado e símbolo espiritual do evangelista de S.Marcos) e o obelisco com a estátua de S. Miguel e o dragão.

Mas que conste, já que o dragão foi "dominado", o vinho do Porto ainda está lá para durar... e foram os portugueses que deram o "último golpe de misericórdia" no comércio de Sua Sereníssima (Veneza) com a descoberta do caminho marítimo para a Índia e com o monopólio das especiarias cujos lucros passaram todos para Lisboa ("Benficas" e "Sporting's" e "Belenenses"...).

P.S. É só para chatear os do Norte...

domingo, 14 de setembro de 2008

Um leão com bola em Florença!


Andava a minha real pessoa a indagar de sítios porreiros para a rodagem dos "Veteranos de guerra" quando, por acaso, fui surpreendido com o valor do nosso futebol ex-muros.

Então não é que já não bastasse termos exportado "carne fresca" dos nossos craques para a estranja, fomos topar ainda na cidade do Humanismo e do Renascimento, no meio daqueles bustos todos, uma escultural homenagem ao nosso Sporting!?

Pois o tal de "Da Vinci" foi tão exímio nos pormenores que até pôs o o leãozinho com uma bola nas patas!...

- "E esta eh?"

P.S. isto é só para chatear os benfiquistas e tripeiros da Ônzima ... sim, que eu também sou dos "vromelhos". Mas "como é que hei-de" encontrar águias e dragões, eu cá sei.

Esperem pela próxima.

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

E o "premiado" era ????


Como o mistério parece ainda adensar-se do resultado da investigação anterior, só mais tarde é que o chefe de equipa da "Ossos" nos deu autorização para que fosse divulgada a sua verdadeira identidade:

Ex-Soldado-lanceiro do MPLA, MuKumbolo Katanada, 23 anos, solteiro e adjunto de magarefe num dos talhos da então vila do Songo - o tal cujo talhante se queixou que os "turras lhe levaram mais uma cabra"!

P.S. Isto até pode parecer um filme - eu que o diga - mas episódios para o próximo é que não vão faltar!

Adivinham de quem era este esqueleto?


(Desculpem lá o atraso mas andei ocupado numa co- investigação)

A famosa detective "Ossos" (?) da série televisiva Bonnes (ossos) acaba de desvendar mais um caso misterioso, o do enigmático falecido-morto-defunto-enterrado e desenterrado esqueleto doado por um desconhecido africano a um dos museus de Itália!

Através do ADN e do carbono 13 foi possível detectar a causa da sua morte e, mais do que isso, o sítio, hora, dia e data do infausto acontecimento: percurso Quivuenga-Songo (região do Uíge),11 de Setembro de 1972, 14.37 horas!!!

Ora tal coincidência tudo leva a crer tratar-se da famosa emboscada às NT, naquele dia aziago e em cuja fuga "desapareceram em combate" alguns dos bravos do pelotão - cujo argumento sustenta o já famoso filme premiado com os dois "Leões" de Ouro do Festival de Veneza/2008.

Segundo a detective-forense, tal só foi possível devido a vestígios de restos de pólvora seca cristalizados no calcio do seu perónio e provenientes de uma bala de espingarda G3 que, no contra - golpe, um dos nossos terá ripostado.

Como a "vingança se serve fria", o nosso alto comando militar da altura mandou "empalhar" aquela "múmia paralítica" e, através do tal espião-africano, decidiu doá-la àquele museu ... mas sem nunca lhe desvendar o seu mistério!

- "E esta, eh"???

domingo, 7 de setembro de 2008

"David" no Paiazza Nuova de Florença


Esta cidade monumental italiana e berço do Renascimento e de Miguel Ângelo é um relicário da arte mundial.

O produtor do próximo filme dos "Veteranos da Ônzima" ficou simplesmente embasbacado com o manancial de cultura e deste "livro aberto" da história.

Então esta Praça magnífica é de encher o olho com o número tão vasto de esculturas que por lá proliferam. Aliás, a própria colina que rodeia a cidade monumental chama-nos logo a atenção com uma réplica do famoso "David" (do David e Golias da Bíblia) do autor da Capela Sistina, e que se desdobra em tantas outras réplicas e esculturas famosas por toda a cidade e nos seus vários museus.

Esta Praça será um dos cenários ideais escolhidos pelo produtor para a rodagem de algumas cenas dos "Veteranos..." pois a coragem de "David" perante o gigante Golias ficou a "milhas de distância" da valentia dos "Veteranos..." ao atacar os gigantes e variados menus dos vários encontros anuais...

P.S. Um busto monumental dos "Veteranos" será inaugurado nesta Praça, ao lado das relíquias do passado. Só falta saber quem lhe dará a cara!

Aceitam-se sugestões.

sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Veteranos da Ônzima no obelisco de Trajano - Roma


Roma imperial assinalava os seus feitos guerreiros com a implementação de obeliscos megalómanos. Alguns destes, de caracteres egípcios e com mais de 1.500 anos a.C. ,vieram do Cairo, via marítima, para a cidade-eterna, no século IV. Ainda hoje, Roma tem 13 obeliscos "plantados" nas praças da sua urbe!

Um dos mais emblemáticos é o do imperador Trajano - 98-117 d.C. e que conquistou a Dácia, Arábia,Arménia, Mesopotâmia, Assíria e os partos - e que relata, em alto relevo, peripécias ligadas a algumas das batalhas do seu império.

Com uma autorização muito especial da República Italiana - para a qual em muito contribuíu o "dedo" do nosso "special one" José Mourinho - e tendo em vista a rodagem de algumas cenas do próximo filme "Os veteranos da Ônzima", foi possível fazer uma "colagem" dos nossos veteranos da 3411 nesse obelisco. Fantástico que ficou.

Se fores do "Boavista" e fores perspicaz tenta perscrutar se eventualmente não farás parte desses "heróis"!(?).

Obs. Vê-se, claramente visto, um dos episódios narrados no "Também eu estive lá..." (pp.99 "Outros golpes de mão") onde o talhante vocifera que "...os turras lhe voltaram a limpar mais uma cabra"!

Mas há mais... puxa pela tua imaginação pois os episódios estão todos lá!!!


quarta-feira, 3 de setembro de 2008

Dificuldades técnicas?

Obs. Para visualição via YouTube:
1. Clicar o "Youtube"(logotipo avermelhado) de "Barra de Video" e que se encontra por baixo de alguns takes já disponíveis ( a maioria sobre futebol da A.F.Braga);
2. Clicar no meu endereço de Youtube:koenig1705A5, que se encontre por cima da página;
3. Procurar no respectivo menu o take preferido (Cantabile), ou outros, e accioná-lo(s) para visioná-lo(s).

Um abraço,
Lino Rei

Cantor ukraniano - viela di Napoli


Nas vielas bem perigosas de Nápoles - preparando já a sua próxima película cinematográfica - o realizador de "Desaparecidos ..." deliciou-se com um verdadeiro achado: um tenor acompanhado do seu exótico instrumento musical.

Nápoles - onde o nosso glorioso Benfica irá medir forças na UEFA e imperou o baixinho Diego Maradona - é outras das cidades arquitectónicas de "encher o olho" e berço da Ópera Buffa italiana e terra do grande tenor Caruso - embora que por motivos políticos tivesse que ser expulso da sua própria cidade! "Mamma mia, ma quale!"

Tentando tomar o pulso à outra realidade meio escondida desta cidade - ruelas mescladas de lixo, miserabilidade gritante e roubos por esticão nas suas já famosas lambretas/vespas lamborguini - o elenco de actores pode embasbacar-se com este "miosótis no meio da lama".

Após uma audição prévia, logo e na hora ficou contratado para a Banda Sonora do novo filme "Os aposentados da Ônzima".

P.S. Aprecia no You Tube anexo.

terça-feira, 2 de setembro de 2008

Ossadas petrificadas de fugitivo(s) - Ruínas de Pompeia


Em Pompeia, enquanto alguns dos actores se entretinham em "decifrar" - e quiçá poder até imitar meis tarde...- algumas das várias posições do menu do Lupanarium, o realizador e produtor de "Desaparecidos em combate II" anotou, num outro sítio, mais um achado macabro daquela erupção.

Quando o Vesúvio "acordou" da sua já longa "hibernação" apanhou de surpreza - tipo ASAE- muitos dos fugitivos que, não tendo mais para onde fugir, se refugiaram onde podiam, uns no jardim e outros quiçá em lugares supostos de alguma proteção mas sem qualquer hipótese de poderem escapar.

Este "felizardo", para além de qualquer outra explicação científica, terá sido apanhado no lupanarium (?) e parece ter exagerado no menu a la trois - uma das variantes da lista - e tal como os outros não teve hipótese de fuga, mas ao menos terá morrido "feliz" ...após ter "esgotado todo o menu"!

segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Posição "Kamasutra 1"(?) - Lupanarium de Pompeia


Obs. "Bolinha vermelha" ?????????????

(Só para "veteranos" de guerra e expressamente proibído a "maçaricos")

Alguns dos actores de "Desaparecidos em combate", nos intervalos das filmagens e a convite do "Calígula" lá do sítio, puderam visitar o Museu de Pompeia, cuja cidade, feita colónia romana com o nome de Cornelia Veneria Pompeiaanorum (80 a.C.), foi soterrada em cinzas pela erupção do Vesúvio, no ano 79 d.C.

Antes, foi uma cidade comercial importantíssima a vários níveis e com vários "hipermercados" onde se vendia de tudo... e mais "alguma coisa" como se vê claramente visto!...

Todavia, as "cambadas" de estrangeiros que chegavam à cidade para os variados comércios, eram de origem grega ou bárbara e, como tal, não entendiam nem sabiam falar o latim (língua dos romanos). As prostitutas da cidade ou lupanares (do latim, lupus loba/prostituta), para venderem as "suas mercadorias íntimas", tinham já as suas casas oficiais (o lupanarium) e como o "gesto é tudo", apresentavam o respectivo menu aos seus clientes que como tal escolhiam: posição tal ou tal ...

P.S. Isto é História "cambada", aprendam que eu (e o guia) não duramos sempre!

A continuar nos próximos episódios.